13/05/2024 às 12h30min - Atualizada em 14/05/2024 às 00h01min

IOB lança nova ferramenta que traz agilidade para contador assessorar MEI e pequenas empresas

Solução proporciona ao contador prestar consultoria para inúmeros pequenos negócios, ao mesmo tempo, com a oportunidade de ampliar a carteira de clientes

DANIELA OLIVEIRA | FOCAL3 COMUNICAçãO
IOB

Quem acompanha o segmento de pequenas empresas já sabe que o MEI corresponde a maior fatia do tipo de empresas no Brasil. Agora, um novo olhar para esse mercado em potencial pode ser ainda mais explorado como oportunidade de negócios para profissionais contábeis. Uma vez que no país há mais de 12 milhões de MEIs, e muitos deles, não conseguem fazer a própria gestão como contribuinte para estar de acordo com a legislação. Ligada nesse cenário, a IOB, que une Inteligência em legislação e Tecnologia avançada para resolver os desafios de contadores e de empresas de todos os portes, lança o IOB Contador MEI. 

A nova solução é a primeira ferramenta do mercado que permite ao contador fazer a gestão de MEI de forma automatizada e personalizada. Por meio dele, o contador consegue emitir notas fiscais, gerenciar o vencimento da guia DAS-MEI, monitorar o limite de faturamento do MEI, além de fazer o controle de vários MEIs de forma prática, em uma única tela. 

Uma das principais dores dos contadores é conseguir inserir o CNPJ de quem é MEI no sistema contábil que ele utiliza, e a nova ferramenta IOB Contador MEI, quebra esse obstáculo. “Existem escritórios que prestam consultoria para mais de 3 mil MEIs e, até hoje, não tinham uma plataforma que resolvesse esse problema”, explica André Copetti, diretor da IOB. 

Para complementar o pacote, a ferramenta faz a emissão e gestão do certificado digital e também, é possível oferecer o serviço de nota fiscal recorrente, ou seja, o contador pode programar a emissão de notas do mesmo valor para as mesmas datas, mensalmente. O produto também faz a emissão de NF-e, NFC-e, NFS-e, CT-e, CT-e OS e MDF-e e pode ser utilizado pelo contador para assessorar empresas de outros segmentos. 

O IOB Contador MEI ainda permite que o contador emita nota para o MEI com boleto integrado, sem a necessidade de dependência de bancos. O MEI só indica onde quer que o dinheiro seja creditado. “Trata-se de uma administração contábil focada na emissão da nota fiscal, gerenciamento da guia DAS, tudo o que um MEI e uma pequena empresa precisam”, ressalta Copetti.   

 

Ajuda evitar penalidades para o MEI 

Muitas vezes o MEI está sozinho tomando conta do seu negócio, das finanças e do pagamento de obrigações. Existem oportunidades para apoiar o pequeno empresário, que precisa de uma ajuda mais especializada. Em paralelo, o IOB Contador MEI simplifica o trabalho de contadores para assessorar ao MEI e pequenas empresas, que podem ajudar na educação financeira e garantir o compliance.  

Por exemplo, o valor da guia DAS varia de R$ 67 a R$ 72, a depender da atividade desempenhada pelo empreendedor. “A grande parte de quem é MEI tem capacidade financeira de fazer o pagamento, mas o esquecimento, somada à falta de uma consultoria contábil mensal, resulta que o MEI esqueça o vencimento e fique inadimplente junto à Receita Federal”, explica o diretor da IOB. 

Com apenas um clique, o contador envia a guia DAS por WhatsApp para o MEI. De forma prática, o contador consegue solucionar essa etapa, de centenas de clientes, dentro da ferramenta de uma só vez. Em seguida, basta o MEI clicar no link e efetuar o pagamento ao Governo, mantendo sua empresa regular.    

 

Entenda as penalidades 

As penalidades impostas pelo Governo para o MEI que está inadimplente são grandes. Ele perde o auxílio-doença. No caso de MEI mulher, não terá direito ao auxílio maternidade, caso tenha um filho ou adote uma criança de até doze anos. Claro que assim também não terá direito à aposentadoria, seja por idade ou por invalidez. 

Outros problemas são perder linhas de créditos, condições especiais e taxas de juros menores por bancos públicos e privados. Ao pagar a DAS que está em atraso o MEI paga juros e correção monetária. Poderá ter o CNPJ excluído do SIMEI e deixar de usufruir dos benefícios que a Lei do Simples Nacional oferece a todos aqueles que optam pelo Simples. 

Os valores que não foram pagos poderão ser incluídos na dívida ativa da união, dos estados e municípios, o que pode levar à cobrança judicial. Por fim, o CNPJ da empresa e o CPF do proprietário do MEI são incluídos nos cadastros restritivos. A boa notícia é que a qualquer momento, o MEI pode renegociar os débitos das mensalidades em atraso, desde que ainda não tenham sido transferidos para a dívida ativa.  

Com o IOB Contador MEI o processo para pagamento da guia DAS fica mais fácil e evita transtornos. “A ferramenta faz toda a gestão que o MEI precisa e a automatização da plataforma é completa, com isso, não existe risco para o escritório, pois nada é feito manualmente”, finaliza Copetti.  

 

IOB I Tecnologia e Inteligência 

A IOB une Inteligência em legislação e Tecnologia avançada para resolver os desafios de contadores e de empresas de todos os portes. Referência nas áreas fiscal, contábil, tributária, trabalhista, previdenciária e jurídica, se destaca pela confiabilidade aliada às soluções tecnológicas, inteligentes e humanizadas para cada cliente.   

 

Informações para a imprensa:  

Focal3 Comunicação  
[email protected]

 


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
DANIELA FREITAS DE OLIVEIRA
[email protected]


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://portalg7.com.br/.